Conecte-se Conosco

WEB RADIO DESTAQUE DO IVAÍ



 

Brasil

Laudo do IML diz que juíza morta pelo ex-marido levou 16 facadas

Publicado

em

A juíza Viviane Vieira do Amaral Arronenzi, morta pelo ex-marido, o engenheiro Paulo José Arronenzi, na frente de suas filhas, levou 16 facadas pelo corpo, a maior parte delas no rosto e na cabeça. As informações são laudo feito pelo Instituto Médico-Legal do Rio (IML) e divulgadas pelo jornal Extra.

O laudo também constatou que Paulo José continuou golpeando a juíza pelas costas, mesmo depois que ela caiu. Apesar dos diversos ferimentos, os peritos concluíram que o corte na jugular foi o que levou a morte imediata de Viviane.

Os investigadores acreditam que a juíza também tenha sido arrastada pela calçada devido a descoberta de escoriações nas costas e no ombro esquerdo. O crime aconteceu às 18h do dia 24 de dezembro. Os policiais acreditam que o crime tenha sido premeditado, já que Paulo tinha três facas na mochila.

Anúncio

 

 

Instagram

CBX Insta Photos: Possible list of errors

  • Error retrieving data

Follow Me on Instagram

Facebook

Mais lidas

Copyright © 2019 - Grupo EDA **** CNPJ: 35.301.283/0001-96 **** www.grupoeda.com.br ****Contato: 43 9818-7783 ****

RSS
Follow by Email