Conecte-se Conosco

WEB RADIO DESTAQUE DO IVAÍ



 

Carros

Ford terá novos veículos eletrificados no Brasil. Novo Kuga pode ser o primeiro

Publicado

em

A Ford fechou 2019 em quinto lugar no mercado brasileiro de veículos. As suas vendas caíram cerca de 5 por cento, mesmo com o forte resultado do Ka que não foi suficiente para superar as quedas nas vendas dos sedans e hatch da Ford.

O resultado da montadora ficou abaixo do desempenho geral do mercado: as vendas de veículos leves cresceram 7,6 por cento em 2019 com relação ao ano anterior. A decisão da Ford de descontinuar os seus modelos, Fiesta , Focus (sedan e hatchback) e o Fusion no Brasil contribuíram para a queda.

Kuga

O Ford Kuga Híbrido deve ser o primeiro lançamento da marca em 2020
Mas a reformulação mundial das linhas da marca poderá trazer melhorias nos resultados ao longo do tempo. Segundo a montadora, os veículos Ford do futuro estão dirigindo para o próximo nível, prontos para oferecer economia de combustível aprimorada, tecnologia inteligente, design moderno e comodidades atenciosas. Principalmente com modelos híbridos e totalmente elétricos.

Um dos modelos previstos para o Brasil é o SUV compacto Kuga que pode ser produzido na fábrica da empresa na Argentina. O modelo ficaria na faixa de cima do atual EcoSport cuja competitividade está no segmento de entrada dos utilitários esportivos.

O Kuga tem opção híbrida plug-in (que pode ser recarregada na tomada) e híbrida convencional. Ambas utilizam o motor quatro cilindros 2.5 de ciclo Atkinson combinado a um motor elétrico e um gerador. Não foi informado ainda qual dessas versões estará por aqui e nem se o motor à combustão terá a tecnologia flex.

O Kuga tem uma versão híbrido plug-in que pode recarregar numa tomada o motor elétrico
A bateria de íons de lítio tem 14,4 kWh e, combinados, entregam 225 cv. A versão Plug-in pode rodar só no modo elétrico por até 50 km e carrega a bateria em um ponto de 230V em cerca de 4 horas.

A nova geração foi mostrada na Europa e Estados Unidos, concomitantemente. A principal mudança é que ela ficou até 90 kg mais leve que a versão anterior. Ela usa a plataforma C2 do novo Focus (que por enquanto não virá para o Brasil). A rigidez torcional aumentou em 10%.

O Kuga ficou 44 mm mais largo e 89 mm mais longo, o que dá 43 mm a mais de espaço para os ombros e 57 mm para os quadris nos bancos dianteiros. Atrás, são 20 mm e 36 mm a mais para as mesmas medidas, respectivamente. A altura total do veículo foi reduzida em 20 mm se comparado ao antecessor. Porém, o novo oferece 13 mm na frente e 35 mm atrás a mais de espaço para a cabeça dos ocupantes.

Nos Estados Unidos, o Ford Escape é a versão americana do Kuga. Totalmente renovado, o Escape e o Kuga são modelos importantes para a marca manter um bom resultado no segmento de SUVs compactos.

Modelos bem-vindos
No mercado norte-americano, a Ford Motor Company anunciou que prepara uma ofensiva em 2020 e 2021 com o lançamento da primeira nova safra de novos modelos. Embora ainda não confirmados, alguns deles seriam bem-vindos no mercado brasileiro e ajudariam a montadora a preencher lacunas de mercado, além de contribuir muito para a imagem da marca nos próximos anos

O SUV Mach-E, inspirado no design do Mustang, é um dos previstos. É um veículo elétrico de alto desempenho. A versão que virá para o Brasil é a GT que faz de 0 a 100 km / h em 3 segundos.

Por lá e aqui, a Ford passa por um momento crítico de reformulação. A chegada de novos veículos é fundamental para a empresa voltar a crescer no mercado automotivo e melhorar a lucratividade no mercado brasileiro.

Anúncio

 

 

Instagram

CBX Insta Photos: Possible list of errors

  • Error retrieving data

Follow Me on Instagram

Facebook

Mais lidas

Copyright © 2019 - Grupo EDA **** CNPJ: 35.301.283/0001-96 **** www.grupoeda.com.br ****Contato: 43 9818-7783 ****

RSS
Follow by Email