Conecte-se Conosco

WEB RADIO DESTAQUE DO IVAÍ



 

Cidades

Cambira – Abastecimento de água é tema de reunião entre Sanepar e Município

Publicado

em

Representantes discutiram medidas para o sistema de abastecimento da cidade nesta sexta-feira (22), a Prefeitura de Cambira sediou uma reunião entre equipe técnica da Sanepar, o prefeito Emerson Toledo Pires e vereadores municipais para debater sobre a situação do abastecimento de água na cidade.

Acompanhado dos engenheiros civis Anderson Pitol e Carla Felisbino, e do agente operacional Tiago de Souza, o gerente regional da Sanepar Luiz Carlos Jacovassi explicou que a estiagem que se prolonga desde julho provocou redução de vazão tanto do Ribeirão Cambira quanto dos poços que abastecem o município. “Aliado a isto, o tempo seco e as altas temperaturas elevaram o consumo de água em 20%, interferindo na regularidade do abastecimento público”, alertou.

Detalhando características técnicas, Jacovassi explicou ainda que a despressurização na rede prejudica a distribuição na região mais alta da cidade, que tem se apresentado como área de expansão imobiliária nos últimos anos. “Para resolver a situação, a Sanepar projetou um sistema de bombeamento que impulsionará água para o abastecimento dos imóveis situados nestas localidades. Já assentamos 1.140 metros de rede para adequar o que chamamos de setores de manobras e zonas de pressão”, relatou.

O gerente reafirmou a previsão de instalação de um novo sistema de bombeamento em dezembro para início de operação em meados de fevereiro de 2020, e demonstrou os investimentos da Sanepar na localidade. “Nos últimos anos foram investidos aproximadamente R$ 500 mil no sistema de abastecimento de água de Cambira através da implantação de reservatório semi-enterrado com volume de 400 m³, que elevou a capacidade de reservação para 750m³, garantindo o abastecimento e a disponibilidade de água tratada”.

Na ocasião, Jacovassi ainda afirmou que já está inserido no planejamento plurianual da companhia para os próximos anos a operacionalização de uma captação subterrânea com vazão de 36 m³/h, com investimentos na ordem de R$ 1 milhão. As medidas contribuirão para a conservação da confiabilidade do sistema de produção, reservação e distribuição de água de Cambira.

Ainda assim, a Sanepar orienta que os imóveis contenham caixa-d’água, conforme recomendação da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). A sugestão é que cada imóvel tenha uma caixa-d’água de pelo menos 500 litros para garantir o abastecimento de no mínimo 24 horas. E ao identificar falta d’água, pede-se que o usuário entre em contato com o Serviço de Atendimento ao Cliente através do telefone 0800 200 0115, informando o número de sua matrícula e registrando sua reclamação, pois apenas desta forma ocorre registro da demanda e é possível apurar as causas do desabastecimento.

Também participaram da reunião os vereadores Anderson Carlos Toledo Pires, Rodrigo Rodrigues, Edair da Silva e Elenice Barriquelo.

Anúncio

 

 

Instagram

CBX Insta Photos: Possible list of errors

  • Error retrieving data

Follow Me on Instagram

Facebook

Mais lidas

Copyright © 2019 - Grupo EDA **** CNPJ: 35.301.283/0001-96 **** www.grupoeda.com.br ****Contato: 43 9818-7783 ****

RSS
Follow by Email