Conecte-se Conosco

WEB RADIO DESTAQUE DO IVAÍ



 

Brasil

Doria e primeira-dama são diagnosticados com covid-19

Publicado

em

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e a primeira-dama paulistana, Bia Doria, informaram nesta quarta-feira, 12, que foram diagnosticados com covid-19. Ambos estão sem sintomas e vão permanecer em isolamento pelos próximos dez dias. “Seguindo o princípio da total transparência com que temos lidado com a pandemia, informo que fui diagnosticado com covid-19. Estou bem, sem sintomas. Seguirei trabalhando de casa, cumprindo as recomendações médicas de isolamento. Tenho fé em Deus que vou superar a doença”, disse o tucano em vídeo divulgado nas redes sociais. O diagnóstico de Bia Doria foi divulgado mais tarde por meio de nota oficial.

Doria não participou da entrevista coletiva nesta quarta-feira, 12. Em seu lugar, ficou o vice-governador, Rodrigo Garcia. Ele afirmou que Doria “continuará dando as orientações para as equipes de casa”. Garcia vai participar dos atos presenciais e entrevistas, enquanto o governador estiver em isolamento. “Imediatamente após a confirmação do exame, Doria iniciou isolamento em sua residência, segundo protocolos médicos, e deve permanecer em observação pelos próximos dez dias. O governador está assintomático e recebe acompanhamento do médico infectologista David Uip”, diz nota do governo do Estado.

De acordo com o secretário estadual da Saúde, Jean Gorinchteyn, pessoas que tiveram contato mais próximo com Doria já foram afastadas das funções e estão sendo testadas. Entre elas, a secretária de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen da Silva, e o secretário estadual de Habitação, Flavio Amary. Os dois secretários afastados tinham se reunido com o governador na manhã desta quarta-feira.

O exame positivo para covid-19 do governador João Doria

Gorinchteyn será responsável por listar todas as pessoas, entre servidores, assessores e familiares, que estiveram com Doria por mais de 15 minutos, a menos de 1 metro ou 1,5 metro ou que não utilizaram máscaras no contato com o governador.

“O diretor do Instituto Butantã, Dimas Covas, já foi acionado para que seja enviada uma equipe para testagem e rastreio dos contactantes”, disse ele, que destacou que Doria faz testes periódicos desde março, e este foi o sexto. O diagnóstico foi feito por teste RT-PCR realizado na terça-feira, 11.

Além dos contactantes, que estão em quarentena preventiva, secretários e autoridades também serão testados “por medida de segurança”, mas nem todos precisarão ser isolados. “Precisamos saber a agenda do governador dos últimos dias”, ressaltou Gorinchteyn.

Outros membros da gestão Doria já foram diagnosticados com covid-19. Tiveram a doença o secretário estadual da Educação, Rossieli Soares, e o secretário da Segurança Pública, o general João Camilo Pires de Campos. O médico David Uip também foi diagnosticado com o novo coronavírus quando esteve à frente do Centro de Contigência Contra a Covid-19 do Estado.

Doria é o 11º governador a ter a doença. Na lista de governadores que já contraíram a covid-19 estão Eduardo Leite (PSDB), do Rio Grande do Sul, Belivaldo Chagas (PSD), de Sergipe, Carlos Moisés (PSL), de Santa Catarina, Mauro Mendes (DEM), de Mato Grosso, Helder Barbalho (MDB), do Pará, Renan Filho (MDB), de Alagoas, Paulo Câmara (PSB), de Pernambuco, Renato Casagrande (PSB), do Espírito Santo, e Antonio Denarium (PSL), de Roraima, e Wilson Witzel (PSC), do Rio.

Mais lidas

Copyright © 2019 - Grupo EDA **** CNPJ: 35.301.283/0001-96 **** www.grupoeda.com.br ****Contato: 43 9818-7783 ****

RSS
Follow by Email