Conecte-se Conosco

WEB RADIO DESTAQUE DO IVAÍ



 

Cidades

Londrina tem 24 casos confirmados de coronavírus

Publicado

em

A Prefeitura de Londrina, no norte do Paraná, anunciou nesta terça-feira (31) que a cidade tem 24 casos confirmados do novo coronavírus. Destes, dez estão sendo tratados em casa e outros 11 estão internados, sendo quatro deles na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Outros três casos estão recuperados, conforme a prefeitura.

O número de casos é o dobro do anunciado no domingo (29), quando eram 12 confirmados. Ainda conforme a Prefeitura de Londrina, outros 59 exames foram coletados e aguardam resultados.

No último boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), divulgado também nesta terça-feira, são 185 casos confirmados no Paraná, com nove deles em Londrina.

O prefeito Marcelo Belinati explicou que há uma divergência nos números com a Sesa porque o município tem acesso aos resultados de laboratórios particulares. Belinati informou que esses dados serão alinhados com a Sesa.

A prefeitura deu mais detalhes sobre os casos confirmados. Do total, 54% são mulheres e 46% são homens. Dois tem mais de 60 anos, sete são de 40 a 59 anos, 12 são de 20 a 39 anos, dois de 10 a 19 anos e um na faixa de 0 a 9 anos de idade.

Outro dado informado pela prefeitura é que são 72 pessoas internadas em hospitais de Londrina e que aguardam exames, sendo 68 adultos e quatro crianças. Destes, 16 estão UTIs.

“Se não tivesse o isolamento, os números estariam muito maiores. A taxa de transmissão é muito grande, muito fácil a pessoa pegar”, alertou o prefeito Marcelo Belinati.

Disque Coronavírus
A prefeitura reforçou a importância da população utilizar o chamado “Disque Coronavírus” para tirar dúvidas e até mesmo filtrar a necessidade de procurar ou não um hospital diante dos sintomas apresentados.

O Disque Coronavírus agora conta com um apoio da UEL e atende pelo número 0800-400-1234. Ele funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 22h, e sábado e domingo das 7h às 17h.

“O primeiro passo antes de sair de casa e ir até uma unidade de saúde é ligar para o Disque Coronavírus. Ele tem essa função, é um serviço assistencial para tirar dúvidas e fazer com que as pessoas, se necessário, busquem uma unidade adequada de atendimento”, orientou o secretário municipal de Saúde, Felipe Machado.

Hospital de campanha e parceria com o HU
O secretário municipal de Saúde disse que há a possibilidade de se montar um hospital de campanha em Londrina, com uma estrutura que vai de 80 a 226 leitos.

“Esgotando as possibilidades, vamos para o hospital de campanha. A planta e o projeto já estão prontos, em uma fase bastante avançada”, comentou Felipe Machado.

Além disso, outra opção é a de utilizar o Hospital Universitário como único ponto para o atendimento de coronavírus em Londrina.

“Por isso a importância do apoio de outros hospitais. Quem estiver com uma perna quebrada, ele será transferido para outro hospital para atender um que precisa ser tratado do coronavírus”, explicou o prefeito.

Anúncio

 

 

Instagram

CBX Insta Photos: Possible list of errors

  • Error retrieving data

Follow Me on Instagram

Facebook

Mais lidas

Copyright © 2019 - Grupo EDA **** CNPJ: 35.301.283/0001-96 **** www.grupoeda.com.br ****Contato: 43 9818-7783 ****

RSS
Follow by Email