Conecte-se Conosco

WEB RADIO DESTAQUE DO IVAÍ



 

Brasil

Fábrica de álcool em gel passa a produzir em um dia volume de um mês em Atibaia, SP

Publicado

em

Para tentar abastecer as prateleiras na mesma frequência em que cresce a procura, duas fábricas de Atibaia e Piracaia aumentaram – e muito – a produção de álcool em gel.

Uma das principais formas de higienização das mãos na prevenção ao coronavírus (Covid-19), o produto teve um salto na produção: em uma das empresas, a quantidade antes produzida em um mês, passou a ser feita em um dia.

Em Atibaia, uma empresa de cosméticos deixou toda a produção exclusiva para álcool em gel e passou a produzir em um dia 1,5 mil galões, de 5 litros cada, e mais de 1 mil garrafas de 2 litros. Oito funcionários também foram contratados para atender a alta demanda.

“O telefone não para de tocar, muitas pessoas procurando pela internet. Nós temos nos desdobrado, trabalhando dois turnos por dia. A fábrica está trabalhando 18 horas todos os dias para conseguir atender essa demanda absurda”, disse o proprietário da fábrica, Kaike Doratiotto.

Já em uma fábrica de Piracaia, a produção de álcool gel mais que triplicou. A média de produção, que era de cerca de 40 mil frascos por dia, a partir desta semana passa para 150 mil unidades.

Segundo o dono da empresa, Wesley Leal de Castro, esse aumento foi possível graças a parcerias com outras empresas de cosméticos do município. Além disso, 30 funcionários temporários serão contratados, totalizando 85 pessoas na linha de produção de álcool em gel.

“Começamos atendendo, primeiramente, a cidade. Depois, ampliamos para municípios vizinhos e agora também estamos atendendo a polícia, asilos, empresas de ônibus. Vamos trabalhar 24 horas por dia até essa crise passar ou acabar a nossa matéria-prima”, afirmou Castro.

A matéria-prima para a produção do álcool em gel, é algo que os fabricantes têm tido dificuldade para encontrar neste período. O carbopol, que transforma o álcool em gel, é um produto importado e disputado entre fabricantes.

Na última semana, o Ministério da Economia zerou a alíquota do imposto de importação sobre 50 produtos médicos e hospitalares necessários ao combate à pandemia, entre eles, está o álcool em gel. A medida vale até o fim de setembro.

Mais lidas

Copyright © 2019 - Grupo EDA **** CNPJ: 35.301.283/0001-96 **** www.grupoeda.com.br ****Contato: 43 9818-7783 ****

RSS
Follow by Email
Facebook
Facebook